Noivo é preso por enganar a Noiva!

Garantia estar apaixonado e prometeu à mulher, de 30 anos e natural de Braga, que iriam casar-se muito em breve. Daniel era até já bastante próximo dos futuros sogros. Após oito meses de namoro, a noiva descobriu que ela e os pais tinham sido burlados por Daniel em 17 mil euros e que aquele tinha uma relação há 15 anos.

O caso ocorreu no início de 2012 e o burlão foi condenado a um ano e quatro meses de prisão, com pena suspensa. A condenação foi esta semana confirmada pelo Tribunal da Relação de Guimarães. O arguido, de 36 anos, foi ainda condenado a devolver à vítima o dinheiro que ela e os pais emprestaram. Com juros, tem de entregar 24 mil euros. Terá ainda de pagar 15 mil euros de indemnização à noiva pelo sofrimento que lhe causou. No total são 39 mil euros.

Se não cumprir o último pagamento – em um ano e quatro meses –, vai preso. O acórdão dá conta que Daniel conheceu a vítima num ginásio de Braga, em fevereiro de 2012, e que iniciaram logo uma relação. Em junho, o homem disse à noiva que aceitou um trabalho no Algarve. Depois fingiu que tinha destruído o carro num acidente e que não tinha meio de transporte para a visitar em Braga. Para que o burlão comprasse um carro novo, a vítima entregou-lhe cinco mil euros. Os pais dela fizeram um empréstimo bancário e deram-lhe mais 12 mil euros. O arguido garantiu que iria devolver o que devia quando recebesse o dinheiro do seguro. Não o fez. Comprou um BMW Z4 e em outubro revelou à noiva que foi tudo uma farsa.

Vê Também

Os momentos mais altos da noite do MTV EMA’s

A gala dos prémios MTV EMA 2017 decorreu na noite de 12 de Novembro, no …

Um Comentário

  1. Será que dessa maneira ele se sentirá arrependido e não torne a fazê-lo!?
    Ou será que depois de algum tempo vai vir para fora e vai fazê-lo a dobrar!!!?
    Quando eles já vêem duma raíz doente…ela se reproduz…dá flôr…cria novas sementes…floresce de novo e assim sucessivamente até se calhar uma certa altura que essa dita raíz com o passar dos anos perde as forças e acaba por estabilizar,não reproduzindo e não florindo nada mais!
    É tudo uma questão de tempo!
    Sou contra a prisão!
    Mas não deixo de dizer,que em certos casos,não há outra hipótese!
    Mas por casos como esse…
    A melhor prisão,é o desprezo…deixar andar á vontade…
    Deixar dar todas as cabeçadas necessárias,que um dia, possam fazer sentir os erros cometidos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *