O primeiro salário do ano está aí a chegar. Saiba quanto vai receber

Este mês chegam alterações no rendimento líquido de milhares de portugueses, segundo o Jornal de Negócios. Na maioria dos casos, para melhor. Saiba de que forma a sua carteira pode ficar mais recheada.

Funcionários públicos: É a partir de hoje que aqueles que recebem 1.500 euros brutos em diante, e que desde 2011 enfrentam cortes remuneratórios entre 3,5% e 10%, sentirão um novo alívio. Os funcionários vão ver-lhes devolvidos mais 20% dos valores que lhes têm vindo a ser subtraídos. A reposição será feita trimestre a trimestre. Com a reposição de mais de 20 dos 80% que faltam repor, o ordenado líquido destes trabalhadores vai aumentar cerca de 2% face ao mês de dezembro.

Trabalhadores com salário mínimo: O salário mínimo sobe assim dos 505 para os 530 euros brutos por mês, o que perfaz 471,10 euros líquidos. Quem tem apenas o salário mínimo não desconta para a sobretaxa nem faz retenção mensal de IRS.

Trabalhadores dependentes e pensionistas: Se trabalha por contra de outrem e/ou é reformado, poderá ver o seu salário ser aumentado por via da sobretaxa extraordinária de IRS. As taxas de retenção ditam que quem tem um rendimento bruto até 801 euros nada reterá, uma vez que está também dispensado da sobretaxa. Rendimentos brutos até 1.683 euros/mês reterão 1%, uma percentagem que sobe para 1,75%. Por sua vez, rendimentos brutos mensais acima de 3.054 reterão 3% e acima de 5.786 euros aplica-se a taxa de 3,5%.

Pensões da Caixa Geral de Aposentações e da Segurança Social: O alívio só será sentido a partir de fevereiro. Os reformados com pensões até 628,8 euros por mês receberão a atualização de 0,4% nas suas reformas. Nessa altura, será pago com retroativos ao mês de janeiro.

Vê Também

Jovens tailandeses fazem homenagem ao mergulhador que morreu no resgate

As 12 crianças e o treinador presos na gruta de Tham Luang, na Tailândia, durante …

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *