Tatuou última batida do coração da mãe para a homenagear

Uma tatuagem é sempre uma boa forma de homenagear as pessoas de quem mais gostamos. E foi isso mesmo que Thomas Resch, um americano de 21 anos, fez para homenagear a sua mãe, como conta o Hypeness.

Thomas perdeu a mãe, Deborah, no mesmo dia em que estava a mudar-se para ir morar sozinho pela primeira vez. Deborah tinha sofrido um ataque cardíaco, e estava em recuperação, mas sofreu um novo enfarte no passado mês de janeiro e, desta vez, foi fatal.

“Hoje eu perdi a minha melhor amiga. Eu fui um sortudo po ter passado 21 anos contigo, mas sei que estarás à minha espera de braços abertos. Nunca vou me esquecer das coisas que me ensinaste. A rir, a ser forte, a ser honesto e, acima de tudo, a amar. Descansa em paz, mamã“, escreveu Thomas no Twitter no dia 16 de janeiro.

Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter

Antes de sofrer o novo ataque cardíaco, Deborah tinha escrito uma mensagem para Thomas, quando ele se mudou: “Vou sentir muito a tua falta. Amo-te”.

Quando recebeu a notícia do falecimento da mãe, Thomas decidiu homenageá-la, tatuando a mensagem no próprio corpo. Ao Buzzfeed, ele contou que a mãe sempre se orgulhou de ter uma óptima caligrafia. Nos últimos meses, porém, ela já tinha alguma dificuldade para escrever, como consequência da perda de movimentos decorrente de seu primeiro enfarte. Ele tatuou essa mensagem:

 

A tatuagem foi acompanhada de um detalhe muito especial: um registo dos últimos batimentos cardíacos da mãe. Os batimentos ficaram registados no Fitbit que ela usava no momento exato em que faleceu, e foram usados por Thomas para prestar o tributo à mãe, como contou noutro tweet, publicado no dia 22 de janeiro.

“A minha mãe escreveu-me um recado no dia em que me mudei, e no mesmo ela faleceu (também, com a última batida do coração dela). Ela perdeu a mobilidade nas mãos depois do seu último ataque cardíaco, então algumas pessoas podem achar que as palavras estão mal escritas, mas elas são mais do que perfeitas para mim. Amo-te tanto mãe…”, escreveu ele.

Vê Também

Jovens tailandeses fazem homenagem ao mergulhador que morreu no resgate

As 12 crianças e o treinador presos na gruta de Tham Luang, na Tailândia, durante …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *