junge Thais huldigen den Taucher, der an der Rettung gestorben

Die 12 Kinder und die Insassen Trainer in Tham Luang Höhle, in Thailand, während 18 dias ainda se mantêm no hospital de Chiang Rai, e só no passado sábado tiveram conhecimento da morte do mergulhador que aconteceu durante as operações de resgate.

Decidiram, Also, prestar-lhe uma pequena homenagem, de acordo com a Sky News e o Bangkok Post.

Os médicos não tinham dado ainda autorização para que os jovens tivessem conhecimento da morte de Saman Kunan.

Havia o receio, por parte das equipas médicas, de que os resgatados não tivessem preparados a nível psicológico para receber uma notícia com tanto impacto.

Todos os jovens ficaram abalados com a notícia e, garante o ministro tailandês que, “todos choraram e expressaram as suas condolências ao escrever mensagens num retrato do Tenente Comandante Saman e fizeram um minuto de silêncio por ele”.

“Agradeceram-lhe e prometeram ser bons rapazes”, hinzugefügt.

 

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Siehe auch

Die “Antwort” Judith de Sousa “Kritik”… “ja sind 38 Jahre des Journalismus”

Judith Sousa war in Thailand, um die Rettung der Abdeckung zu machen 12 Kinder, und …

Hinterlasse eine Antwort

Ihre e-Mail-Adresse wird nicht veröffentlicht. Pflichtfelder sind markiert *