Jovem tira os ténis para dar a homem descalço na rua, e comove as redes sociais

Elielton Ribeiro de Araújo, um estudante brasileiro de 24 anos, tirou os ténis e deu-os a um malabarista, que estava praticamente descalço num semáforo em Rio Branco, no Brasil.

O que ele não imaginava é que a cena tinha sido captada, e publicada nas redes sociais. A fotografia da boa acção viralizou, e emocionou os internautas.

Como conta o G1, o gesto foi captado na tarde desta terça-feira (13). Araújo, que é estudante do curso de segurança do trabalho, disse que estava a caminho da faculdade quando o sinal vermelho caiu, e uma cena lhe chamou a atenção.

“Eu estava a passar, e vi que ele estava a fazer o seu número de malabarismo no sinal, olhei para o chão e vi os sapatos rasgados, como todos os dedos de fora a tocar no alcatrão. Aquilo comoveu-me, porque eu sou de uma família humilde, e sei que as pessoas precisam de ajuda. É sempre bom ajudar”, revelou.

“Olhei para os meus ténis, e vi que estavam em boas condições, encostei e chamei-o. Por um momento pensei em como é que eu ia para a faculdade descalço, mas foi mais forte do que eu”.

Ao ser chamado pelo estudante, o homem não esperava a atitude. “Ele veio a correr e eu perguntei qual era o número que ele calçava, ele respondeu que era 40, o mesmo que eu. Pensei, perfeito! Disse que lhe queria dar um presente, se ele aceitava os meus ténis. Ele, assustado, disse: ‘você quer me dar mesmo? Perguntou se eu não ia precisar, eu disse que tinha mais quatro pares em casa e dei para ele”, relembra.

A também estudante Anna Cássia Costa de Oliveira, de 30 anos, tirou a foto, e contou ao G1 que quando viu a cena ficou muito emocionada.

“Parei no sinal e vi porque tinha uma moto estacionada na calçada, e um rapaz tirando os sapatos. Quando olhei, ele estava a conversar com um outro rapaz que fazia malabarismo no sinal…”

Vê Também

Menino de 10 anos vendeu brinquedos para pagar tratamento do cão

Um menino de 10 anos de idade, que vive em Nova Iorque, nos Estados Unidos, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *