Luciana volta a atacar família: “Vi filmes pornográficos até aos 14 anos”

As declarações são polémicas e sofridas. Em lágrimas, Luciana Abreu voltou a recordar os momentos doridos da infância e reafirmou acusações violentas, desta vez sem referir nomes.

Durante a entrevista a Daniel Oliveira, na SIC, a atriz recordou os episódios de violência doméstica e revelou factos até aqui desconhecidos. O período que Lucy recorda com maior mágoa é dos “10 aos 11” anos. “Fui para longe, Daniel. acabei por voltar porque a pessoa em causa me usou para ser aceite na família”, acusou.

 E foi ao recordar esses anos que Luciana Abreu revelou episódios de verdadeiro inferno. Quando Daniel lhe perguntou o que tinha visto quando criança que nenhuma criança deveria ver, a atriz emocionou-se e descreveu o drama da sua infância: “Violência. Violência doméstica, filmes pornográficos. Até aos meus 14 anos, que foi quando eu disse ‘vou-me embora’. Com 14 anos foi quando eu saí com uma trouxa de roupa de casa. Quem é que quer levar porrada todos os dias, Daniel?”, lamenta-se Lucy.

“A dada altura, podíamos morrer as três…”, revelou ainda. “Foi um momento muito dramático, muito violento para toda a família”, assegura a estrela da SIC.

Amoor e Valentine só tiveram alta hospitalar ao fim de 2 meses de cuidados intensos, em fevereiro. A cantora já era mãe de Lyonce, de 6 anos de idade, e de Lyannii, de 5, frutos da relação com o futebolista Yannick Djaló.

Pai já veio dizer que é tudo mentira.

Vê Também

Sérgio Rosado (dos “Anjos”) deixou a noiva em lágrimas no altar

Este sábado, 19 de maio, Sérgio Rosado e Andreia Nascimento disseram o “sim”. Após 20 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *