Clitóris Milenar

Clitóris Milenar

Clitóris

 

De forma cíclica, o clitóris, esse arrasador (quando negligenciado) e potenciador (se bem acarinhado) de namoros e casamentos, regressa à ribalta. Em França, a vivaça Cheek Magazine relembrou alguns dados úteis sobre o único órgão do corpo humano exclusivamente dedicado ao prazer: os primeiros desenhos clínicos datam de 1559, pelo anatomista italiano Mateo Realdo Colombo; no século XVIII, a vitalidade do clitóris é prejudicada pela proibição da masturbação no mundo protestante; no Google, a busca da palavra é cinco vezes menos frequente do que «pénis». Se a Cheek parece esquecer-se de que o clitóris é discutido desde os tempos de Hipócrates, a plataforma noticiosa brasileira Terra repõe a verdade, regressando às sábias palavras do poeta romano Ovídio, no que é um verdadeiro manual de sexo do século I a.C.: «Quando tiveres encontrado o santuário da bem-aventurança, não deixes nenhum pudor tolo prender a tua mão; Então verás a luz do amor trepidar nos olhos dela

Vê Também

Jovem fica em cadeira de rodas por usar maquilhagem da amiga !!

Esta mulher, com apenas 27 anos, terá que ficar presa a uma cadeira de rodas …

Um Comentário

  1. loving the comments everyone :p

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *