Clitóris Milenar

Clitóris Milenar

Clitóris

 

De forma cíclica, o clitóris, esse arrasador (quando negligenciado) e potenciador (se bem acarinhado) de namoros e casamentos, regressa à ribalta. Em França, a vivaça Cheek Magazine relembrou alguns dados úteis sobre o único órgão do corpo humano exclusivamente dedicado ao prazer: os primeiros desenhos clínicos datam de 1559, pelo anatomista italiano Mateo Realdo Colombo; no século XVIII, a vitalidade do clitóris é prejudicada pela proibição da masturbação no mundo protestante; no Google, a busca da palavra é cinco vezes menos frequente do que «pénis». Se a Cheek parece esquecer-se de que o clitóris é discutido desde os tempos de Hipócrates, a plataforma noticiosa brasileira Terra repõe a verdade, regressando às sábias palavras do poeta romano Ovídio, no que é um verdadeiro manual de sexo do século I a.C.: «Quando tiveres encontrado o santuário da bem-aventurança, não deixes nenhum pudor tolo prender a tua mão; Então verás a luz do amor trepidar nos olhos dela

Vê Também

UMA CIRURGIA NO QUEIXO TRANSFORMOU A VIDA DESSA GAROTA

Ellie Jones é uma garota de  14 anos que tinha os dentes desalinhados e procurou …

Um Comentário

  1. Splendid Looks

    loving the comments everyone :p

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *