Mães podem “imprimir” bebé em 3D e “segurá-lo” antes do parto

O que era até há pouco tempo um sonho para muitas mães, fica agora mais perto de “concretizar”.

Depois dos testes que indicam o género do bebê, com apenas 8 semanas de gestação, e da invenção das ecografias 3D, para que os futuros pais possam ver o feto, os russos deram um mais um passo, e decidiram “imprimir os bebés“.

A novidade foi desenvolvida pela empresa Embryo 3D, e utiliza imagens de egografia, para criar um modelo tridimensional do feto.

No início, a figura dos bebés era impressa apenas em plástico, mas, com a evolução do sistema, os modelos já podem ser feitos em gesso, e cobertos com metais preciosos, como conta o Daily Mail.

site da empresa promete imprimir uma versão em 3D do futuro bebé em apenas 10 dias, a partir de imagens de ecografia.

A grávidas a partir da 20ª semana, já podem solicitar o modelo tridimensional, que custa entre 210 € e os 670€.

A tecnologia também pode ser usada para fins médicos, auxiliando na detecção de alterações físicas num estágio precoce.

Vê Também

Sem-abrigo viu mulher a abandonar cão numa estrada, e decidiu salvá-lo

Na semana passada, Angel Janes conduzia para casa, em Salt Lake City, Utah, Estados Unidos, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *